XVI Jornada Científica destaca a importância da pesquisa acadêmica

Com o intuito de fomentar e promover o conhecimento a partir de atividades científicas desenvolvidas em diversas áreas de atuação das instituições camilianas, discentes e docentes de graduação e pós-graduação do Centro Universitário São Camilo-SP receberam o público, no Campus Ipiranga I, no dia 10 de novembro, para a realização da XVI Jornada Científica.

A solenidade de abertura foi realizada pelo Prof. Marcos Frizzarini, Pró-Reitor Acadêmico do Centro Universitário São Camilo-SP, acompanhado dos docentes Prof. Clóvis Castelo Junior, Coordenador Geral de Pós-Graduação, e Profª. Cristiane Yonezaki, Assessora de Extensão, Pesquisa e Assuntos Internacionais, juntamente com a comissão organizadora, representada  pela coordenação e vice-coordenação do evento, respectivamente, Profª. Denise Balchiunas, Coordenadora Adjunta do Curso de Nutrição, e Profª Marcia Augusta da Silva, Coordenadora do Curso de Biomedicina.

Em 2012, a Jornada Científica teve como tema central “Pesquisa e Pesquisador: a construção do trabalho científico” que, segundo sua coordenação, contou com a inscrição total de 348 trabalhos de pesquisa científica avaliados, no período de 16 de junho a 12 de setembro, por uma equipe formada pelos professores docentes da São Camilo, indicados pelas coordenações de cursos e orientados por uma comissão.

Durante seu discurso, o Pró-Reitor Acadêmico parabenizou a organização, as empresas parceiras, Danone, Shefa e editora Cortez, além dos inscritos nas pesquisas científicas, pela dedicação e desafio a que se propuseram, ao participar do evento. Frizzarini enfatizou ainda a importância da continuidade e aprofundamento nos estudos científicos: “Este evento foi um trabalho intenso ao longo do um ano inteiro; terminada esta jornada, já começa o trabalho da próxima edição”, alertou o Pró-Reitor da Instituição.

Atividades variadas, como oficinas temáticas, apresentações orais, exposição de pôsteres e palestras, foram desenvolvidas durante a programação. Os presentes também tiveram a oportunidade de acompanhar a palestra de abertura proferida pelo Prof. Dr. Antonio Joaquim Severino, docente titular de Filosofia da Educação na Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, e autor de livros focados em metodologia, pesquisa científica e educação.

Com 46 anos de experiência na área acadêmica e responsável por diversas publicações, o Prof. Dr. Severino abordou o tema central da XVI Jornada Científica, “Pesquisa e Pesquisador: a construção do trabalho científico”, explicando a evolução no desenvolvimento do processo de pesquisa e orientação. “Fico gratificado pelo que vem ocorrendo no processo do ensino superior no Brasil. Apesar de todas as dificuldades que enfrentamos, estamos sintonizados num mesmo ritmo, que é da construção do conhecimento como pesquisa”, comemora o palestrante.

Os trabalhos científicos premiados com destaque nesta edição foram “Avaliação Farmacotécnica das Técnicas de Impregnação de Glóbulos para Padronizar a Manipulação de Medicamentos Homeopáticos”, contemplado com o Prêmio Cientista Camiliano Prof. Dr. Pe. Christian de Paul de Barchifontaine, na categoria Estudante de Graduação, e “Perfil Epidemiológico de um Grupo de Idosos Pertencentes a um Programa de acompanhamento de Portadores de Doenças Crônicas não Transmissíveis vinculados a um Plano de Saúde”, que recebeu o Prêmio Cientista Camiliano Pe. Leocir Pessini, na categoria Profissional.

Para a Profª. Denise, o sucesso da Jornada Científica 2012 se deu graças ao empenho de toda a comissão organizadora. “Todo esse processo exige um trabalho árduo, requer grande responsabilidade e, acima de tudo, um grupo organizador experiente, competente, coeso e ético”, relembra a coordenadora.

Com a realização do evento, a São Camilo oferece a chance de aprimoramento do saber que pode ser aplicado em todos os âmbitos e momentos da vida. “Nossa trajetória, como profissionais competentes, técnicos, humanos e éticos, é infinita, saibamos aproveitar essas oportunidades. O nosso papel, como seres humanos, necessita humildemente do nosso aprendizado diário, por isso é importante saber como entender e aprender com as pessoas com as quais convivemos, nos pequenos atos do nosso cotidiano”, conclui a Profª. Denise.