Comunicação é fator essencial no relacionamento com pacientes

Entender as perspectivas dos enfermos na recuperação, ter uma comunicação aberta e oportuna, bom relacionamento entre médicos e pacientes foram alguns dos pontos discutidos na palestra “Envolvimento do Paciente no Processo de Gerenciamento de Risco: Sbar, Speak Up e Comunicação Eficaz”, que aconteceu no dia 24 dentro do XVIII Congresso Brasileiro de Gerenciamento de Risco e Segurança do Paciente.

O relato de experiências vivenciado em hospitais públicos e privado foi apresentado pela Coordenadora Psicossocial do Hospital São Camilo, Rita de Cássia Calegari, a Gerente de Qualidade dos Hospitais São Camilo – SP, Daniela Akemi, a Coordenadora do Comitê de Qualidade e Segurança do Serviço de Anestesia do Hospital Sírio Libanês e o Coordenador de Segurança e Meio Ambiente do Hospital Israelita Albert Einstein, Allan Egon Kern.

Segundo os especialistas, a transparência e clareza na comunicação com o paciente é de suma importância durante o processo de gerenciamento de risco. Além disso, é fundamental a assistência total ao paciente e o preparo da equipe no fornecimento das informações relacionadas ao quadro do mesmo.

Congr. Gerec. Risco - Envolvimento do paciente no processo